11/06/2019 - 20:45

Walber Virgolino não vê crime em conversas entre Moro e Dallagnol



O deputado estadual Walber Virgolino (Patriotas) declarou, nesta terça-feira (11), que não conseguiu encontrar a tipicidade de crime nas conversas que foram vazadas entre o então juiz federal Sérgio Moro e o procurador Deltan Dallagnol. Na avaliação do parlamentar, tem alguem querendo politizar um assunto que não deve ser politizado.
Para o deputado, os que estão afirmando que Moro e os procuradores da operação Lava Jato agiram de maneira injusta na investigação que resultou na condenação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva têm o objetivo de acabar com a operação. Mas, o deputado foi veemente ao declarar que vai  ser em vão tentar por fim a operação Lava Jato.
Walber revelou que é comun a existência de conversas entre magistrados, integrantes do ministério público e advogados. Ele mesmo contou que já manteve conversas com juízes quando atuava como delegado.