13/03/2020 - 08:26

Renato diz que não tem ‘time de freiras’, mas classifica Gre-Nal de ‘vergonhoso’ após briga



Após o Gre-Nal 424, o primeiro pela Libertadores, o assunto menos tratado na entrevista coletiva do técnico gremista Renato Gaúcho foi o empate sem gols na Arena. A conversa com a imprensa girou em torno das oito expulsões e confusão generalizada nos minutos finais de partida desta quinta-feira, na Arena, pela 2ª rodada da fase de grupos.


“Se os caras baterem, meu time vai olhar? Não tenho time de freiras” (Renato Gaúcho)


A briga começou após uma dividida envolvendo Moisés, do Inter, e Pepê, do Grêmio. A partir daí, foram cerca de 10 minutos seguidos de pancadaria em campo. Resultado? Quatro expulsos para cada lado. Renato resumiu seu sentimento após as cenas: vergonha.


— É vergonhoso. Para o Grêmio e para o Internacional. Vergonhoso porque são profissionais e colegas de profissão. Tem outros Gre-Nais, espero que não se repita. Senão, é bola de neve. Eles (jogadores) sabem que erraram, como nós sabemos — disseO próprio treinador entrou no gramado para intervir e tirar os gremistas da confusão. Porém, citou o sangue quente dos atletas para justificar a resposta a supostas provocações do adversário.


— Não sei de que forma vão entender, mas sou contra a violência. O meu time não podia apanhar, tinha que se defender. Teve tumulto, já que está tendo, não vamos apanhar. Nem jogadores do Inter vão ficar para apanhar. Não é a primeira nem a última. Manchou a partida — acrescentou.


No próximo dia 21, o Grêmio visita o Inter já pela 4ª rodada do segundo turno do Gauchão. Renato não acredita que os acontecimentos da Arena se repetirão no Beira-Rio. Mas pede “personalidade” ao árbitro para conter os ânimos.


— Meu time vai jogar futebol. Se os caras baterem, meu time vai olhar? Não tenho time de freiras. Que o árbitro tenha personalidade para apitar o Gre-Nal. Se tiver que botar meu jogador para rua, que ponha. Mas do Inter também. Mas não vou levar um time de freiras para o Beira-Rio. Se jogarem futebol, nós jogaremos — completou.


Renato e seu grupo de jogadores retornam aos trabalhos nesta sexta-feira, no CT Luiz Carvalho. Com os jogos da Libertadores da próxima semana suspensos, o Tricolor foca no jogo do próximo domingo, pelo Gauchão, diante do São Luiz. A partida pelo segundo turno está marcada para as 11h, na Arena.


Globo Esporte