26/06/2019 - 13:57

Justiça cassa mandato do prefeito de Taperoá por compra de votos



O prefeito de Taperoá, Jurandi Gouveia Farias, e seu vice, Francisco Antônio da Silva Filho, tiveram o mandato cassado depois de ser acusado de compra de votos. A decisão foi do juiz da 27ª zona eleitoral, Carlos Gustavo Guimarães Barreto, que determinou a realização de novas eleições. Enquanto não ocorre a escolha eleitoral, quem passa a responder interinamente é o presidente da Câmara.

A sentença de cassação ainda prevê a inelegibilidade do prefeito por oito anos e uma multa de 101 mil UFIR.

Jurandi é acusado de condutas vedadas como a perfuração de poços artesianos e a contratação de servidores temporários, além de exceder o limite de gastos com publicidade em ano eleitoral.