14/03/2019 - 13:18

Advogado recebe Título de Cidadão Pessoense na Câmara de João Pessoa



Em uma sessão solene bastante prestigiada, a vereadora Eliza Virgínia (PP) entregou o Título de Cidadão Pessoense ao advogado Ricardo de Oliveira Franceschini, natural da cidade do Recife (PE), que desde 2010 reside na Capital paraibana. A outorga da honraria aconteceu no Plenário da Câmara Municipal de João Pessoa (CMJP), nesta quarta-feira (13), e reuniu familiares e amigos do homenageado.
Ricardo Franceschini exerce a advocacia em todo Norte e Nordeste. Atualmente, é diretor regional do Instituto Brasileiro de Direito e Ética Empresarial (IBDEE), representando a entidade nos estados de Pernambuco e Paraíba.
Quando foi presidente da Comissão da Sociedade de Advogados, Ricardo desenvolveu um projeto social importante, pela Ordem dos Advogados do Brasil na Paraíba (OAB-PB), que visitava as escolas públicas da Capital com o objetivo de apresentar e debater sobre as funções e atividades da advocacia. “Nós visitamos as escolas públicas, durante três anos, mostrando aos alunos que eles podem ser advogados, juízes, promotores ou qualquer outra função profissional”, contou.
Ao receber o Título de Cidadão Pessoense, o homenageado, que é casado com a enfermeira Nayana Franceschini e pai de Heitor, disse que já se considerava pessoense, pois reside há nove anos na Capital paraibana. “Já me sinto pessoense, moro há nove anos aqui. Tenho uma esposa e um filho pessoenses. A cidade de João Pessoa representa beleza, uma excelente qualidade de vida e muito trabalho”, afirmou.
A vereadora Eliza Virgínia, autora da propositura, destacou o importante trabalho desenvolvido pelo homenageado nas escolas públicas e os serviços prestados à população de João Pessoa. “Um trabalho brilhante voltado para a educação de alunos de escolas públicas, pessoas carentes que, muitas vezes, não têm perspectiva de futuro. Com esse projeto o advogado estimula os estudantes e abre as portas do mundo jurídico”, ressaltou a parlamentar.
Compuseram a mesa da sessão solene, presidida pela vereadora Eliza, os vereadores Lucas de Brito (PV), que secretariou os trabalhos, e Carlão (DC); o pastor Aluísio, da Igreja Verbo da Vida; e o advogado Felipe Morais, além do homenageado. Lucas de Brito, que também é advogado, usou a tribuna para destacar atribuições de Ricardo Franceschini. “É muito importante se reconhecer, de forma pública, um trabalho de cidadania realizado na nossa sociedade”, disse. Carlão comentou que ficava honrado quando homens de bem vinham à Casa para receber honrarias por merecimento.
Função do IBDEE
O Instituto Brasileiro de Direito e Ética Empresarial é uma entidade sem fins lucrativos, que tem como função principal refletir sobre o direito como meio de ajuda e apoio para a integridade dos negócios. A ideia é contribuir para uma relação adequada entre empresários e poder público, no sentido de estimular um maior comprometimento ético dos agentes empresarias e políticos, ao mesmo tempo em que incentiva o desenvolvimento econômico sustentável.