Joo Pessoa, 17 de Julho 2018

Notícias Brasil

09/06/2018


Justiça autoriza ex-goleiro Edinho a cumprir pena no regime semiaberto

imagem da internet

O Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP) autorizou o ex-goleiro Edson Cholbi Nascimento, o Edinho, a ser transferido para o regime semiaberto. Desta forma, o filho de Pelé poderá trabalhar durante o dia e, à noite, deve retornar à prisão. Edinho está na Penitenciária II de Tremembé, no Vale do Paraíba, onde cumpre a pena de 12 anos, dez meses e 15 dias em regime fechado por lavagem de dinheiro e associação ao tráfico.

A juíza Sueli Zeraik de Oliveira Armani, da 9ª Região Administrativa Judiciária, em São José dos Campos, deferiu o pedido do advogado Eugênio Malavasi para que Edinho passasse para o regime semiaberto. A juíza considerou que o ex-goleiro obedeceu os requisitos objetivo e subjetivo para a concessão do benefício. Ele cumpriu um sexto da pena e sua conduta dentro da prisão foi considerada boa pela administração penitenciária.

Segundo a juíza, 'trata de promoção a regime menos rigoroso, mas ainda bastante vigiado e cumprido em estabelecimento penal, embora ensejando ao sentenciado a oportunidade de integrar-se socialmente, visto que se apresenta mais amadurecido, tendendo a melhoria de sua vida longe da criminalidade'.

"Foi uma excepcional conquista. Quando peguei o caso, a pena era de 33 anos e quatro meses. Nós reduzimos a pena para 12 anos e 10 meses. Também por conta dessa redução, ele teve direito a progressão de regime semiaberto. Ele cumpriu um pouco de prisão provisória e, isso computou para o requisito. Foi muito bom", disse o advogado de Edinho, Eugênio Malavasi, em Santos.

A decisão da juíza foi publicada nesta sexta-feira (8). Mas, ainda não se sabe quando, exatamente, o ex-goleiro será transferido do regime fechado para o semiaberto. Segundo Malavasi, Edinho ainda não foi comunicado da decisão, o que deve ocorrer nos próximos dias, bem como a transferência dele.

No semiaberto, Edinho poderá trabalhar durante o dia e deve retornar à prisão a noite. A cada três dias de trabalho será descontado um dia da pena. O advogado disse que o ex-goleiro ainda não tem propostas de emprego e só pode procurar um trabalho quando estiver fisicamente no novo regime.

G1