27/04/2020 - 13:44

Capital registra 56,4% de isolamento social neste domingo, aponta Prefeitura de João Pessoa



O monitoramento inteligente de circulação de pessoas na Capital paraibana, mostra, neste último domingo (26), que mais de metade dos pessoenses respeitaram as medidas de isolamento social determinadas pelo prefeito Luciano Cartaxo em decreto. Principal forma de prevenção contra o novo Coronavírus, o Índice de Isolamento aferido neste domingo foi de 56,4%, superior ao registrado em toda a Paraíba, que ficou em 55,5%. Em entrevista na manhã desta segunda-feira (27), o prefeito destacou a importância do isolamento e da adoção de medidas preventivas na cidade.

Os melhores índices de isolamento foram registrados nos bairros da Penha e Seixas, com números bastante significativos e superiores aos 70% recomendados pela Organização Mundial de Saúde (OMS) e autoridades sanitárias. Nos dois bairros, o isolamento chegou a 77% dos moradores. Também com bom índice, parte do bairro Castelo Branco atingiu 73,5% de isolamento. Na contramão, o bairro Barra de Gramame registrou o pior índice, com apenas 38,6% das pessoas respeitando a medida.

“Tomamos iniciativas antecipadas em nossa cidade, como a questão do isolamento social, que determinamos quando ainda não havia nenhum caso confirmado da doença na cidade e seguimos adotando medidas para ter a estrutura hospitalar necessária para atender aos casos e também com inteligência e tecnologia para aferir o êxito destas medidas, como exemplo, a criação deste monitoramento, que nos permite realizarmos ações educativas e de conscientização com foco nestes locais onde é verificado menor índice de isolamento”, explicou Luciano Cartaxo.

O monitoramento foi desenvolvido a partir de uma parceria da PMJP, através da Secretaria de Planejamento (Seplan), com a startup InLoco, que produz uma avaliação sobre o tema com o objetivo de reduzir os efeitos da Covid-19 e nortear políticas públicas. O trabalho é intensificado a partir do uso de carros de som, com conteúdo explicativo que retrata a gravidade da pandemia na capital paraibana. Como já vinha ocorrendo desde a adoção das primeiras medidas restritivas, drones também estão sendo empregados para sobrevoar a região e identificar possíveis áreas com maior número de pessoas.

Secom-JP