20/06/2020 - 16:41

‘Bolsonaro se afasta do impeachment porque comprou o Centrão por R$ 100 milhões’, diz Alexandre Frota em Live da IstoÉ



Alexandre Frota, de 57 anos, filiado ao PSDB, é atualmente um dos principais opositores de direita de Bolsonaro. Frota participou da live de Istoé na quinta-feira (19). O parlamentar fez duras críticas à família Bolsonaro, revelou segredos do antigo partido, principalmente do caso Queiroz, “o presidente me traiu”.

“O Queiroz, com toda certeza, é um arquivo vivo nesse momento, mas que pode se tornar um arquivo morto”, preocupa-se Frota.

O parlamentar conta na entrevista, que pediu a prisão de Queiroz, ainda no ano passado, mas que agora ligou para o governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel (PSC), e solicitou proteção de vida para o ex-policial. “Queiroz é um sujeito que se relacionou e se relaciona um milícias, com o crime organizado, com a bandidagem, é envolvido com corrupção e com a família Bolsonaro até o pescoço”, disse.

 Revelações do Deputado Federal
“Queiroz se tornou uma testemunha muito importante em todo esse processo em torno do Bolsonaro. Minha preocupação é ele acabar como acabou o amigo e sócio, Adriano: morto numa operação da polícia.”

“Ele pagava as contas pessoais do senador, as escolas das filhas, boletos da família e estava protegido pelo advogado do Flávio, lá no sítio de Atibaia, que é também o advogado o presidente”

“Bolsonaro, através das pessoas que andam em volta dele, tentam criar uma maquiagem e, de alguma forma, colocar o advogado da família [Fred Wassef] como só dos filhos dele”

“Queiroz estava escondido ou quem sabe foi semi sequestrado”

“Eu tenho um contrato dela [Karina Kufa], que ganhou 500 mil do PSL para advogar para o Bolsonaro e para Eduardo bolsonaro”

“Os presidentes do PSL, por ordem de Bolsonaro, contrataram a Karina. Ela ficou ganhando R$ 40 mil por mês, mas não atuando especificamente para o TSE, e sim para o Eduardo e o Bolsonaro.”

“O organograma criminoso envolve a família do Jair Bolsonaro”

“Conheci o Queiroz durante a campanha e na convenção no Rio de Janeiro, o próprio Flávio Bolsonaro me apresentou-o como secretário particular”

“É óbvio que mais cedo ou mais tarde essa corda iria arrebentar”

“Hoje, Bolsonaro tem a caneta na mão para proteger os filhos. Eu espero que a gente consiga chegar definitivamente ao final dessa história com Flávio Bolsonaro preso”

“Uma das filhas do Queiroz, a Natália, era funcionária fantasma do próprio gabinete do Bolsonaro até ele se eleger presidente. Ela não pode alegar que não sabia. Esse esquema já tá confirmado, mais do que confirmado. A própria Natália já deu declarações sobre isso também, já tá se sentindo ameaçada. Enfim, o quadro está todo montado, está alinhado. Agora é com a Justiça e a Polícia Federal”

“Acho que o Flávio Bolsonaro deveria renunciar ou perder o mandato”

“O Queiroz estava escondido no sítio do advogado dele. É uma vergonha, uma tiração com a cara do povo brasileiro”

“De maneira sorrateira, o Queiroz pagava as contas da família Bolsonaro”

“Hoje, o Centrão é a base do governo do Bolsonaro”

“Vou pedir a CPI do Queiroz”

“Ele tá no meio de um cerco jurídico, difícil de sair. Bolsonaro criou isso”

“Ele abriu mão dos aliados, dos amigos para arriscar na velha política”

“ O governo já é interino, Bolsonaro é interino porque quem manda é Olavo de Carvalho”

“Os ataques das fake news chegam a ser linchamentos medievais virtuais. Eles não atacam só você, mas o seu entorno, o seu trabalho. Tentam desconstruir você dentro do seu local de trabalho e ainda ameaçam crianças, mães, esposas e as famílias. É um negócio que você realmente tem que tá preparado. Você não pode de ter medo”

“O Eduardo, bananinha, é um frouxo, covarde. Ele não honra o que tem entre as pernas. Ele é um sujeito mimado, um playboyzinho que resolveu se dar bem na política. Não pode ser levado a sério, se julga acima de tudo e de todos. O cara foi criado soltando pipa no ventilador, jogando bolinha de gude no carpete.”

“Bolsonaro teve que abrir o cofre para não cair e entregar 100 milhões para o Centrão, entregar ministérios, distribuindo verbas para os deputados”

“Temos um presidente mentiroso, incapaz, que não atende aos anseios do povo brasileiro”

“Não me arrependo de ter rompido. Vou fazer o que puder para ver o Bolsonaro descendo a rampa do palácio”

MSN/Istoé