24/06/2020 - 11:04

Assessor acusa Ana Paula do vôlei de homofobia



A ex-jogadora de vôlei Ana Paula Henkel, de 48 anos, foi acusada de homofobia pelo assessor de imprensa Alexandre Alvim, de 33 anos. Ele registrou um boletim de ocorrência contra a ex-atleta no domingo (21). As informações são do jornal Folha de S.Paulo

De acordo com o assessor, Ana Paula respondeu a um stories do Instagram em que ele postou a música “Black Parade”, da cantora Beyoncé e que fala da luta contra o racismo. Na mensagem a ex-jogadora disse que ele é muito brega e bicha.

“A bicha se acha linda. Você é muito brega. Puta que pariu! Hahahahaha se olha no espelho. Você é muito brega bicha”, escreveu Ana Paula.

LEIA TAMBÉM: Em carta aberta, Isabel critica Ana Paula após polêmica sobre racismo

A Secretaria de Segurança Pública de São Paulo informou, em nota enviada à Folha, que o caso foi registrado como injúria na Delegacia Eletrônica e encaminhado para a Delegacia de Atibaia, onde mora Alvim. “A vítima foi orientada quanto ao prazo para representação do crime”, informou a SSP.

Ana Paula, que atualmente mora nos Estados Unidos, foi procurada pela reportagem do jornal, mas até o momento não se pronunciou.


MSN/Istoé